Conceito



O FMCB - Festival de Música Contemporânea Brasileira é um encontro internacional de estudiosos da música brasileira, onde dois compositores contemporâneos são homenageados em cada edição, divulgando sua obra e trajetória.

Desde sua primeira edição o FMCB se destaca no panorama musical brasileiro por apresentar diversas características pioneiras. Une pesquisa à performance e conta com a presença dos compositores homenageados durante todo o evento, oferece uma oportunidade única de interação entre artistas, compositores, pesquisadores e público em geral.

 

Formato

O Festival de Música Contemporânea Brasileira possui cinco dias de atividades gratuitas e abertas para toda a comunidade, entre elas apresentações acadêmicas, recitais, concertos e bate-papo com os compositores homenageados.
Em conjunto com a Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, o FMCB também oferece uma contrapartida social, levando uma mostra musical às crianças e aos adolescentes em tratamento oncológico no Centro Infantil Boldrini de Campinas.

O festival possui cinco dias consecutivos de atividades gratuitas e abertas ao público acadêmico e à comunidade em geral.

A programação inclui:

Dia 1: Mostra Musical no Centro Infantil Boldrini
Dia 2: Abertura e Bate-papo com os compositores homenageados
Dia 3: Homenagens ao compositor
Comunicações orais, mesa-redonda, apresentações artísticas e recital comentado pelo compositor homenageado.
Dia 4: Homenagens ao compositor
Comunicações orais, mesa-redonda, apresentações artísticas e recital comentado pelo compositor homenageado.
Dia 5: Concerto de encerramento com a Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas









FORMATO


O Festival de Música Contemporânea Brasileira possui quatro dias de atividades gratuitas e abertas para toda a comunidade, entre elas apresentações acadêmicas, recitais, concertos e bate-papo com os compositores homenageados.
Em conjunto com a Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, o FMCB também oferece uma contrapartida social, levando uma mostra musical às crianças e aos adolescentes em tratamento oncológico no Centro Infantil Boldrini de Campinas.









HISTÓRIA


O Festival de Música Contemporânea Brasileira (FMCB) foi o resultado da pesquisa de doutorado da diretora artística do festival, Thais Nicolau. O FMCB é um encontro internacional de estudiosos da música brasileira, onde dois compositores contemporâneos são homenageados em cada edição, divulgando sua obra e trajetória.

Em 2017, já em sua 4ª edição, o FMCB prestou homenagens aos compositores Hermeto Pascoal e Edson Zampronha.
Em 2016, na sua 3ª edição, o FMCB homenageou os compositores Ronaldo Miranda e Paulo Costa Lima.

Em sua 2ª edição, o FMCB homenageou Gilberto Mendes e Edino Krieger, tornando-se referência como importante meio de difusão da pesquisa e performance da música brasileira atual, se comparando a Festivais com mais de 40 anos de existência, como as Bienais de Música Brasileira Contemporânea do Rio de Janeiro e os Festivais Música Nova de Santos.

Em sua 1ª edição o projeto teve o prazer de homenagear os compositores Edmundo Villani-Côrtes e Ricardo Tacuchian em um encontro realizado em março de 2014.





Participantes


Por oferecer uma estrutura pioneira no panorama musical brasileiro, unindo pesquisa à performance e proporcionando uma visão global da obra dos compositores homenageados, o FMCB se destaca no cenário artísticos e acadêmico atual do país. A quarta edição do FMCB recebeu participantes de diversos estados do Brasil, além de músicos da Alemanha, Estados Unidos, França, Coréia do Sul e Suíça.
Em suas edições, o festival recebeu professores, pesquisadores e alunos de diversas escolas, institutos e universidades do país, incluindo IFBA e UFBA da Bahia; IFB e UNB do Distrito Federal; UFG de Goiás; UFMA do Maranhão; UFPB de Pernambuco; UFRN do Rio Grande do Norte, UFMT do Mato Grosso; UFPA do Pará; UEL, UEM, Unespar e UFPR do Paraná; Unirio, Universiade Federal Fluminense e UFRJ do Rio de Janeiro; Fundarte do Rio Grande do Sul; UDESC de Santa Catarina; UFMG, UFU e UFOP de Minas Gerais; Unesp, USP, Unicamp, CDMC/ Unicamp, EMESP, CIDDIC/Unicamp, UniSantos, FIAM/FAAM, FITO, FASM e Unoeste do estado de São Paulo; além de artistas e pesquisadores da Alemanha, Coréia do Sul, Suíça, França e Estados Unidos.

Parceiros


Unicamp: Desde sua primeira edição, o FMCB possui parcerias estabelecidas com a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e Instituto de Artes da Unicamp, onde são sediados, no auditório do Instituto de Artes, as apresentações de trabalhos científicos e pesquisas em performance.
A Unicamp responde por 15% da pesquisa acadêmica no Brasil e mantém a liderança entre as universidades brasileiras no que diz respeito a patentes e ao número de artigos per capita publicados anualmente em revistas indexadas na base de dados ISI/WoS.
O Instituto de Artes da Unicamp possui uma trajetória consistente de 45 anos, voltada ao objetivo de produzir conhecimento a partir da prática artística, e simultaneamente refletir sobre tal atividade.

Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas (OSMC): A OSMC é umas das parceiras do FMCB. Foi a primeira instituição do gênero a surgir em uma cidade brasileira fora de capital de Estado. O concerto de estreia foi apresentado no dia 15 de novembro de 1929, sob regência do maestro Salvador Bove.
Desde então, a orquestra encanta o público com obras de grandes compositores e privilegia o trabalho de artistas regionais.
Atualmente, a Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas tem como diretor administrativo o compositor e arranjador Rodrigo Morte e como diretor artístico e regente titular, Victor Hugo Toro.

Centro Infantil Boldrini: Como contrapartida social, o FMCB possui uma parceria com o maior hospital infantil de tratamento de câncer da América Latina. Há três anos, o evento leva às crianças uma mostra musical gratuita como parte de sua pré-estreia, ajudando no processo de cura e oferecendo novas oportunidades de conhecimento da cultura brasileira. Localizado em Campinas (SP), o Boldrini é um hospital filantrópico especializado em oncologia e hematologia pediátrica. Considerado um centro de referência mundial no tratamento de câncer infantil e doenças do sangue. Todos os pacientes, 80% deles oriundos do Sistema Único de Saúde (SUS), recebem o tratamento, que dura em média dois anos.

Instituto CPFL: Desde a quarta edição, o FMCB recebe o apoio da CPFL Energia, uma empresa que gera, distribui e comercializa energia elétrica para quase 20 milhões de pessoas. Em 2015, acompanhando a tendência contemporânea de criar estruturas autônomas para agregar e perenizar as ações de responsabilidade social das organizações, foi criado o Instituto CPFL, que passa a centralizar os programas de cultura, esporte e qualidade de vida da empresa.

 

  Auditório Instituto de Artes OSMC Instituto Boldrini Instituto CPFL



Sintonize




Sintonize Produtora

Especializada na elaboração e captação de projetos com alto impacto social, a Sintonize trabalha para a democratização do acesso à cultura, ao esporte, à educação e à saúde viabilizando iniciativas financiadas através do reaproveitamento de impostos e incentivos fiscais.

Promove o empoderamento social para a solução de problemas coletivos oferecendo consultoria para empresas, associações, sem fins lucrativos e produtores para que potencializem suas ações de responsabilidade socioambiental e transformem suas ideias em realidade.

Utilizando os benefícios das Leis de Incentivo à Cultura e patrocínios direto, e em parceria com Governos Estaduais e Federais, Secretarias de Cultura, Instituições de fomento à pesquisa, Universidades e Empresas Privadas, a Produtora leva à população de todas as idades e classes sociais eventos gratuitos de intervenções artísticas, festivais de música, concertos de música contemporânea, exposições e oficinas de artes visuais, além de apresentações e oficinas de teatro e shows de música popular.



COO e Direção Artística
Thais Lopes Nicolau
CEO
Douglas Lopes Nicolau
Administrativo e Financeiro
Conceição Colombini
Fernanda Marcondes
Guilherme Lopes
Comunicação e Arte
Willian Quennehen
Elaboração de Projetos
Gisele Bueno
Relações Corporativas
Hudson Valverde
Wellington Andreoli
Social Media
Larissa Gaspar
Tecnologia e Web
André Moretto



Realização


O FMCB é idealizado e produzido pela Sintonize Produtora Cultural e foi viabilizado por meio do Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo PROAC ICMS (Lei nº 12.268) e recebe patrocínio da CPFL Energia, Secretaria de Cultura de Campinas e do Ministério da Educação, por meio do programa da PAEP da Comissão de Aperfeiçoamento de Pessoal do Nível Superior (CAPES) e pelo Auxílio à Promoção de Eventos Científicos do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Recebe também o apoio da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (PREAC), Coordenadoria de Desenvolvimento Cultural (CDC) da Unicamp e Campinas e Região Convention & Visitors Bureau (CRC&VB). O FMCB tem como parceiros Instituto CPFL Cultura, UNICAMP, Instituto de Artes, Univesp TV e Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas (OSMC)