Hermeto Pascoal


Nascido em 1936, Hermeto Pascoal sempre foi apaixonado pelos sons da natureza e foi por causa do gosto pela música que passou a tocar em forrós e festas de casamento com seu irmão mais velho José Neto, revezando-se com ele nos baixos e no pandeiro. Desde então, Hermeto nunca parou de trabalhar como compositor, arranjador e instrumentista. Fez parte de grupos de diversas cidades do Brasil como Mundo Pegando Fogo, Orquestra Tabajara em Pernambuco, no conjunto do Maestro Copinha, Som Quatro, Quarteto Novo, Sambrasa Trio e Orquestra Jovem de SP.

O interesse pela música fez com que aprendesse a tocar sanfona, piano, percussão, acordeão, flauta e saxofone. Em 1969, Hermeto viajou aos EUA a convite de Flora Purim e Airto Moreira e gravou com eles dois LPs. Nessa época, conheceu Miles Davis e gravou com ele duas músicas suas: "Nem Um Talvez" e "Igrejinha". Com mais de 70 anos de carreira e com o nome reconhecido pelo talento e qualidade, tornou-se a atração de diversos eventos importantes, como o I Festival Internacional de Jazz, Festival de Montreux, na Suíça. Em Tóquio, participou do Live Under the Skye em Kopenhagen lançou a Suite Pixitotinha, que será executado no encerramento do festival.

Em 2016, comemorou seus 80 anos com turnês nacionais e internacionais. Em julho, viajou à Europa para uma série de apresentações na Espanha (Valencia Jazz Fest, Canary Islands Jazz Fest, Teatro Circo Price Madrid e outros) Holanda ( LantarenVenster Rotterdam), Reino Unido (The Barbican London), Alemanha (Rudolstadt Festival Ruodstadt) e em janeiro de 2017 esteve no Japão para uma série de shows de Hermeto Pascoal & Grupo.


Citações sobre o compositor



“Ímpar em seu processo criativo e de manifestação musical, a todo momento registra composições em quaisquer objetos ao alcance de suas mãos (panelas, revistas, bacias, tampas de vasos sanitário, toalhas, bule, chapéu, bandejas, pratos, copos e até paredes), tornando-os como bases para partituras com a mesma habilidade que extrai sons e notas melódicas de objetos inusitados. Ele extrai sons do seu corpo pelo som da fala, pelo o ritmo do seu coração, barba, cabelos fazem sons imaginários. Explorar o seu corpo como descontração ele faz com o seu corpo e alma uma verdadeira viagem sonora.”
Fabio Pascoal.

“Não é a música do Hermeto, é a música nossa. Falo na música universal por sentir que o Brasil é o mundo. Você olha para as pessoas e já vê logo que aqui tem de tudo. A música que eu chamo de universal é aquela que não tem preconceito nenhum.”
Hermeto Pascoal em entrevista para a Folha de São Paulo.

Galeria de fotos do compositor

 



OUTROS COMPOSITORES

Edino Krieger

Compositor e multi instrumentista

Edmundo Villani-Côrtes

Maestro, compositor, arranjador e professor

Edson Zampronha

Compositor e professor

Egberto Gismonti

compositor, multinstrumentista

Gilberto Mendes

Compositor, arranjador e instrumentista

Hermeto Pascoal

Compositor arranjador e multi-instrumentista

Marisa Rezende

Compositora, pianista, pós-doutorada

Paulo Costa Lima

Compositor, arranjador, multiinstrumentista e professor

Ricardo Tacuchian

Maestro, compositor e arranjador

Ronaldo Miranda

Compositor